Balanço financeiro – Clube Vida em Grupo do Rio de Janeiro (CVG-RJ)

Balanço financeiro – Clube Vida em Grupo do Rio de Janeiro (CVG-RJ)

0 347
Lucio Marques - Presidente do CVG-RJ
Lucio Marques - Presidente do CVG-RJ

O novo presidente do Clube Vida em Grupo do Rio de Janeiro (CVG-RJ), eleito no último dia 8 em cerimônia no Copacabana Palace para o biênio 2009/2011, Lucio Marques, vai fazer um balanço do segmento de Pessoas no Brasil no próximo dia 29, no restaurante Aspargus, em encontro com a imprensa. A estimativa do presidente do CVG-RJ é de que o seguro de Pessoas tenha um crescimento de 10 a 15% em 2009, apesar da crise econômica.

“Além de ser um dos ramos mais promissores do mercado, visto que o faturamento do seguro de Pessoas em 2008 foi de R$ 35,5 bilhões e até maio de 2009 houve uma produção de R$ 15,6 bilhões, as perspectivas são de que os ganhos nesse segmento possam ser alavancados ainda mais com a introdução do microsseguro em nosso país”, avalia Lucio.

Considerando que somente 16% da população brasileira tem seguro de pessoas, Lucio Marques diz que ainda há muito para crescer. “Nos Estados Unidos se produz US$ 600 bilhões na área de Pessoas; na Ásia e na Europa temos US$ 750 bilhões e na América Latina são apenas US$ 23 bilhões sendo que, dessa quantia, US$ 12 bilhões são produzidos no Brasil. O país possui mais de 189 milhões de habitantes e a qualidade de vida melhorou muito nos últimos anos, o que projeta uma expectativa de vida do brasileiro para 72 anos. Todo esse cenário motivou as seguradoras a criarem produtos, principalmente para as classes C, D e E. Isso, somado a abertura do mercado de resseguros, vai fazer com que a aparição de novos produtos seja uma constante”, ressalta o presidente do CVG-RJ.

Nesse contexto, acredita Lucio Marques, o CVG-RJ poderá contribuir muito para o desenvolvimento do nicho de Pessoas: “Diante disso, firmamos um plano de metas nessa nova gestão, que será submetido à aprovação das beneméritas do Clube Vida em Grupo do Rio de Janeiro, para darmos início a um processo de conscientização e valorização do segmento junto ao mercado de seguros brasileiro, bem como às entidades que fazem parte do sistema nacional de seguros”.

Comentários

comentários

Fonte: IRB-Brasil

ARTIGOS SIMILARES

SEM COMENTÁRIOS

Deixe um resposta