Campanha da Fundación MAPFRE destaca que acidentes podem ser evitados com...

Campanha da Fundación MAPFRE destaca que acidentes podem ser evitados com um bom comportamento dos condutores

0 195

No trânsito brasileiro existe uma constatação que a cada ano fragiliza a estrutura da nossa sociedade. É a certeza de que muitas pessoas irão perder suas vidas pela imprudência no trânsito. Por isso, a Fundación MAPFRE com o apoio da ABRAMET iniciará uma campanha, na capital paulistana, que destaca a valorização da vida, chamando a atenção dos condutores para as tragédias ocorridas nas vias públicas, devido às más atitudes praticadas nas ruas, nas avenidas e estradas e o comportamento desrespeitoso com relação ao próximo.

A ação ressaltará, durante a Semana Nacional de Trânsito, que “Boa Direção é Educação” e que “Acidentes acontecem por vários motivos, mas a causa é uma só: o seu comportamento”. Esse tema visa estimular os públicos a analisarem sua postura em relação à direção no trânsito e conscientizar motociclistas, motoristas e pedestres, que por meio de ações preventivas e harmônicas, poderão valorizar ainda mais a sua própria vida e a de outros cidadãos.

A iniciativa para a redução do número de acidentes será realizada na cidade de São Paulo, com abordagem e distribuição de folhetos em shoppings e bares da capital. A metrópole foi escolhida por se tratar de uma das maiores cidades da América Latina, com mais de 11 milhões de habitantes. Além disso, a capital paulistana apresentou alto índice de mortes em 2008, número que representou a perda de mais de 1460 pessoas envolvidas em acidentes viários.*

A proposta do tema “Boa Direção é Educação” exalta pontos importantes no relacionamento entre as pessoas, como os conceitos de gentileza, cooperação, colaboração, tolerância, solidariedade e amizade, além de salientar alguns cuidados básicos com o excesso de velocidade, consumo de bebidas alcoólicas, falar ao celular, desrespeitar leis e, principalmente, ser agressivo, o que muitas vezes resulta em situações banais como brigas e discussões.

A ABRAMET, como representante da especialidade médica Medicina de Tráfego, entende que “o início para um trânsito mais humano e cidadão só se dá por meio da educação”, esclarece o diretor de relações institucionais da associação, Fábio Racy.

De acordo com a superintendente da Fundación MAPFRE no Brasil, Fátima Lima, “todo procedimento tomado para privilegiar a pluralidade do bem estar e do convívio pacífico entre as pessoas nas ruas, representam um valoroso passo em direção ao aprimoramento e manutenção da integridade nas relações pessoais de trânsito” destaca.

Ainda segundo a executiva, “muito pode ser feito para conter a falta de racionalidade que nos acostumamos a ver, da qual muitos acidentes drásticos encerram a vida de condutores conscientes. E nós, da Fundación, como pioneiros nesse contexto, sempre vamos elaborar novas idéias para contribuir com essa questão tão importante”, finaliza.

* Balanço anual divulgado pela Companhia de Engenharia de Tráfego (CET).

Comentários

comentários

ARTIGOS SIMILARES

SEM COMENTÁRIOS

Deixe um resposta