Grupo Negrini apóia DPVAT com sistema de acompanhamento de processos

Grupo Negrini apóia DPVAT com sistema de acompanhamento de processos

0 1113

O módulo de DAMS (Despesas de Assistência Médica e Suplementares) do SISPRO – Sistema de Acompanhamento de Processos, desenvolvido pela equipe técnica do Grupo Negrini para desenvolvimento do trabalho do DPVAT, agora está sendo administrado integralmente pela Seguradora Líder. 

“O SISPRO foi desenvolvido para acompanhamento de processo do DPVAT, contemplando todas as operações levadas a cabo pelos departamentos da CNIS (Cadastro Nacional de Informações e Serviços), tais como, auditoria prévia e de campo, DAMS, invalidez, entre outras”, afirma o diretor de TI do Grupo, Alex Coura. 

A equipe técnica da empresa converteu o módulo de DAMS para a plataforma smart client. A tarefa foi concluída com sucesso e o sistema vendido à Seguradora Líder como DW (DAMS WEB), permitindo assim a realização de análises de contas médicas e gestão do andamento dos processos de DAMS via internet. 

“Temos muito know-how nesta área. Na minha opinião, as maiores vantagens para o Convênio DPVAT são a transferência da informação e do conhecimento, que estavam com a CNIS, o acesso aos dados via Internet e a possibilidade de compartilhamento das informações por múltiplos parceiros”, analisa o diretor de TI. 

Para o diretor de Operações da Seguradora Líder, Cláudio Ladeira, a importância do sistema DW para os controles do DPVAT é integrar o ambiente de sistema da Seguradora Líder DPVAT com os prestadores de análise de contas médicas, internalizando a gestão dos procedimentos de sinistros de DAMS. 

“A principal vantagem que a Seguradora Líder obteve com a implantação desse sistema foi poder fazer a gestão dos sinistros de DAMS, padronizando o procedimento de revisão para as três garantias, possibilitando assim a efetiva revisão de regulação, com correções pontuais de erros de operação, incluindo a exclusão de custos operacionais, em casos de regulações errôneas, além de um maior conhecimento sobre a aplicabilidade das tabelas na análise das contas médicas”, explica Cláudio. 

Com o DAMS WEB, segundo Cláudio Ladeira, a gestão da finalização das tarefas passou a ser da Seguradora Líder, o que resultou em ganho de tempo e confiabilidade, pois a revisão passou a ser feita observando os mesmos critérios e parâmetros usados nas revisões das outras garantias. “Com o advento da MP-341, transformada na Lei nº 11945/09, precisaríamos ter maior rigor na identificação dos beneficiários, podendo administrar eventuais conflitos por conta de insatisfação com os dispositivos da Lei. Seguindo o novo modelo da Seguradora Líder DPVAT, de fazer a gestão efetiva dos Consórcios, era fundamental termos um sistema próprio que nos permitisse efetivamente realizar a gestão do negócio”, conclui.

Comentários

comentários

Fonte: VTN Comunicação

SEM COMENTÁRIOS

Deixe um resposta