OdontoPrev vence Prêmio von Martius de Sustentabilidade

OdontoPrev vence Prêmio von Martius de Sustentabilidade

0 243

A OdontoPrev, maior operadora de planos odontológicos da América Latina, recebeu nesta terça-feira, 24 de novembro, em São Paulo, o Prêmio Ambiental von Martius de Sustentabilidade, concedido pela Câmara de Comércio e Indústria Brasil-Alemanha. Na categoria Tecnologia, a OdontoPrev é vencedora da 10ª edição da Prêmio pelo Programa de Reciclagem de Amálgama, realizado em parceria com o Laboratório de Resíduos Químicos da Faculdade de Odontologia de Bauru da Universidade de São Paulo (FOB/USP).

 Toda a rede credenciada da operadora no Brasil, formada por mais de 15 mil cirurgiões-dentistas, pode participar do Programa de Reciclagem de Amálgama, criado em 2005, com o objetivo de processar, adequadamente, o resíduo do amálgama gerado em consultórios odontológicos. Apenas no Estado de São Paulo, o programa já conta com a adesão de 1.954 profissionais, processou 16,3 quilos de amálgama, recuperando 7,02 quilos de mercúrio. Cada restauração dentária utiliza em média 2 gramas de amálgama. Dos 0,6 grama de amálgama que sobra no processo, 0,3 é mercúrio. Esta substância, quando não descartada corretamente, pode causar danos ao meio ambiente e aos seres humanos.

 O Prêmio von Martius de Sustentabilidade foi criado em 2000 com a proposta de premiar projetos que valorizem ações voltadas ao desenvolvimento sustentado das comunidades, e que possam ser utilizados como exemplo aplicável às mais variadas situações geoeconômicas do País. Em 2009, 166 projetos foram inscritos, em três categorias: Humanidade, Natureza e Tecnologia. Desde quando foi criado, o Prêmio já recebeu 1.630 trabalhos. O nome do prêmio é uma homenagem ao botânico alemão Carl Friedrich von Martius (1794-1868), cujo trabalho de pesquisa científica, durante sua viagem de quase três anos ao Brasil, entre 1817 e 1820, muito contribuiu para a botânica, cultura e história do País.

 Hoje o Prêmio von Martius é um dos mais importantes do setor e o único concurso de projetos ambientais do País a possuir auditoria de procedimentos durante a escolha dos projetos, além de obter o selo carbon free, por fazer a compensação de todo o gás carbônico dispensado desde o início de suas atividades até a cerimônia de premiação.

Comentários

comentários

Fonte: LVBA Comunicação

SEM COMENTÁRIOS

Deixe um resposta