Planos médico-hospitalares aderindo ao plano odontológico em busca de novos clientes

Planos médico-hospitalares aderindo ao plano odontológico em busca de novos clientes

1 366

Dados do Sinog, sindicato que representa as operadoras de planos odontológicos na modalidade de odontologia de grupo, confirmam que os planos médico-hospitalares e os planos odontológicos formam cada vez mais parcerias para oferecer pacotes completos de saúde. Vale à pena falar sobre este assunto, pois, a parceria com operadoras de planos médico-hospitalares e operadoras de planos odontológicos reflete também nos planos empresariais, na conscientização maior da população de um cuidado freqüente – e, não apenas em caráter emergencial – de sua saúde bucal e numa análise atual do mercado de planos médico-hospitalares e odontológicos.

 A parceria firmada entre a Dentalpar, operadora de planos odontológicos, e a “Samp Espírito Santo Assistência Médica Limitada”, operadora de planos médico-hospitalares, mostrou a união de empresas que visam  crescimento econômico, aliando especialidades para atingir uma parcela cada vez maior de beneficiários conscientes da importância de se cuidar da saúde de todo o corpo. No caso desta parceria serão mais de 90 mil associados que terão a oportunidade de usufruir os serviços dos planos odontológicos e profissionais credenciados à Dentalpar.

 É importante ainda lembrar que as empresas tornam-se mais competitivas no mercado ao oferecer um serviço com um diferencial que atingirá o bem-estar e a saúde dos seus clientes. A saúde sempre foi uma grande preocupação e prioridade da população brasileira. Na contramão, sempre foi uma “privilégio” para poucos. Possuir, portanto, um plano odontológico significa muitas vezes uma real condição para cuidar da saúde da boca e do corpo, já que dessa forma, os preços inseridos em forma de planos tornam-se mais convidativos e acessíveis a várias classes sociais. 

 Atualmente, assistimos um “enxugamento” no crescimento das operadoras de planos médico-hospitalares no mercado, devido à adaptação das mesmas às regras dos órgãos responsáveis por sua regulamentação (a ANS), enquanto, as operadoras de planos odontológicos vivem ondas de boas realizações que prometem crescimento para o setor.

 Abaixo, segue uma exposição das principais informações sobre o tema:

 ..

 

  • Segmento de Plano odontológico:

 ..

– vantagens dos planos odontológicos: ótima relação entre custo e benefício e uma grande oferta de profissionais qualificados no mercado

– ano de 2009: desempenho favorável, mais do que o esperado, pois a economia prometia sofrer grandes reflexos devido à crise mundial

  ..

  • Planos médico-hospitalarese planos odontológicos:

 ..

– operadoras de planos médico-hospitalares enxergam grande potencialidade nos planos odontológicos. O resultado foi chamar para a sua carteira, operadoras de planos odontológicos, firmando grandes parcerias estratégicas ou até mesmo criar essa nova modalidade em seus portfólios de serviços e produtos

– exemplo: Dentalpar uniu-se com o poder de fogo da Samp. São mais de 90 mil usuários que terão a oportunidade de se beneficiar com os cuidados bucais com profissionais credenciados e capacitados para promover a saúde bucal

  ..

  • Como caminham estes mercados?

 ..

– as operadoras de planos médico-hospitalares passam por um enxugamento do setor devido às rigorosas regras da ANS. Consequentemente, as operadoras sofrem com a adaptação e adequação a essas exigências

– as operadoras de planos odontológicos formulam cada vez mais estratégias, com grandes perspectivas de crescimento e desenvolvimento.  Segundo o Diretor-Executivo da Dentalpar, Dr. Armando Filho Rodrigues: “as parcerias criam bases sólidas, agregam serviços, profissionais capacitados e especializados e conquistam um grande número de novos clientes”

– as operadoras de planos odontológicos apresentam uma trajetória forte de crescimento nos últimos anos

  ..

  • Dados fornecidos pelo Sinog

 ..

– segundo o Sinog, em junho de 2009, o segmento de planos odontológicos registrou 11,8 milhões de beneficiários. Isso significa 7,01% a mais do final do ano de 2008;

– fatores determinantes: carência na assistência pública para este tipo de serviço, os preços dos planos odontológicos são acessíveis e atinge várias camadas da população;

– consequências deste crescimento: operadoras que, no passado, só atuavam no mercado médico-hospitalar sentem-se impulsionadas a ingressar no ramo de planos odontológicos e os resultados são um intenso movimento de aquisições e parcerias entre os dois setores;

 – segundo a Diretora Comercial da Samp, operadora de planos de saúde que se uniu com os produtos e serviços da Dentalpar, Carolina Maciel, “Possuir serviços odontológicos de empresas especializadas no setor, com profissionais treinados e capacitados tornou-se um diferencial nos nossos produtos, um excelente plus que traz bons resultados para a empresa e para nossos associados”;

segundo Dr. Armando existe uma grande lacuna nas operadoras de planos médico-hospitalares que muitas vezes não contém os planos odontológicos entre os benefícios. Pois como dizem os especialistas do setor, a boca é a porta das doenças do corpo. O sangue e as veias estão interligados do cérebro aos pés. “Tudo que passa pela boca, circula pelo corpo todo. Portanto, não cuidar da boca, é não cuidar do corpo. É não se precaver por completo de doenças somáticas, ao contrário que muitos acreditam”.

 

  • Como as operadoras de planos odontológicos seguirão no mercado?

 ..

– o setor está em expansão

– há um grande público para ser conquistado

– as estratégias de cada operadora será o que determinará o sucesso e o crescimento de cada empresa

– o sucesso também será mais garantido para aquelas que estiverem preparadas para o crescimento da carteira nos anos que virão

– segundo o Diretor-Executivo da Dentalpar, Dr. Armando Filho Rodrigues, tanto as operadoras de planos médico-hospitalares como os usuários estão cada vez mais se dando conta que muitas doenças começam pela boca. Para as operadoras de planos médico-hospitalares, isso representa um ponto fraco quando se fala dos cuidados com a saúde do corpo, já que muitas doenças tratadas nos consultórios clínicos podem e devem ser tratadas nos consultórios dentários. 

  ..

  • Quais são os mercados promissores para negócios?

 ..

– com a vinda do final do ano, o mercado de varejo estará aquecido

– com a troca de estação, o setor de confecções e têxtil terá um crescimento de contratação de funcionários

– com os pacotes de férias escolares e fim de ano, o setor de turismo também é um mercado promissor

  ..

  • Como os dois setores (operadoras de planos médico-hospitalares e odontológicos) se beneficiam com as parcerias?

 ..

– os planos odontológicos conquistam uma adorável base de clientes já formados e fiéis. Já as operadoras médico-hospitalares ampliam seu portfólio e aumentam a sua competitividade com as outras operadoras com um diferencial que agrada e beneficia os seus usuários

Comentários

comentários

ARTIGOS SIMILARES

1 COMENTÁRIO

  1. Como é realizada esta parceria, em relação às informações enviadas para a ANS, uma vez que não é possível a venda de planos odontológicos por operadoras de planos de saúde? Temos interesse em estabelecer parcerias, mas precisamos de informações sobre como proceder.

Deixe um resposta