Susep vai realizar concurso para preencher 250 vagas

Susep vai realizar concurso para preencher 250 vagas

0 321

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva sancionou recentemente a Lei nº 12.024, que cria 250 cargos para a Superintendência de Seguros Privados (Susep). Haverá oportunidades para os níveis superior e médio.

A partir de agora, o órgão deverá encaminhar o pedido de abertura de concurso aos Ministérios do Planejamento e da Fazenda.

As oportunidades serão distribuídas da seguinte maneira: analista técnico (200 vagas), que exige o nível superior; e agente executivo (50), de nível médio. A Susep possui unidades nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e no Distrito Federal.

O órgão aguarda a autorização para abertura do concurso desde o ano passado, quando começou a atender o mercado de resseguros (seguros feitos por empresas seguradoras).

Por essa razão, o volume de trabalho da Susep aumentou, mas o quadro de servidores continuou o mesmo. Sendo assim, segundo seus diretores, há urgência na contratação de novos funcionários.

O último concurso da autarquia foi realizado em 2006, tendo oferecido 46 vagas para o cargo de agente executivo e sete para o de analista técnico. Para agente, a remuneração oferecida foi de R$ 2.807,76. Já para analistas, os salários eram de R$ 6.076,44. O processo seletivo foi organizado pela Escola de Administração Fazendária (Esaf). Os candidatos passaram por provas de conhecimentos gerais e específicos.

Responsabilidades A Susep é o órgão responsável pelo controle e fiscalização dos mercados de seguro, previdência privada aberta, capitalização e resseguro. É uma autarquia vinculada ao Ministério da Fazenda e dentre as suas atribuições destacam-se:

1) Fiscalizar a constituição, organização, funcionamento e operação das Sociedades Seguradoras, de Capitalização, Entidades de Previdência Privada Aberta e Resseguradores, na qualidade de executora da política traçada pelo CNSP;

2) Atuar no sentido de proteger a captação de poupança popular, que se efetua através das operações de seguro, previdência privada aberta, de capitalização e resseguro;

3) Zelar pela defesa dos interesses dos consumidores ds mercados supervisionados;

4) Promover o aperfeiçoamento das instituições e dos instrumentos operacionais a eles vinculados, com vistas a uma maior eficiência do Sistema Nacional de Seguros Privados e do Sistema Nacional de Capitalização;

5) Promover a estabilidade dos mercados sob sua jurisdição, assegurando sua expansão e o funcionamento das entidades que neles operem.

(Com Agência JC Concursos)

Comentários

comentários

Fonte: Jornal do Brasil

ARTIGOS SIMILARES

SEM COMENTÁRIOS

Deixe um resposta